Notícias

Fique por dentro do que acontece na sua Caixa

ADVerão CAAB 2020 prossegue neste sábado no Porto da Barra e Jardim de Alah

Compartilhe

Sucesso entre advogados e advogadas o ADVerão CAAB 2020 prossegue neste sábado com a Caixa de Assistência promovendo a prática de esporte entre a classe nas praias do Porto da Barra e Jardim de Alah, onde os associados contam com suporte para a prática de caminhada, corrida e Stand Up Paddle (SUP).

No Jardim de Alah os praticantes de corrida e caminhada contam com uma tenda onde encontram água gelada e massoterapia, além de aferição de pressão arterial e medição de glicemia. No Porto, além do instrutor para quem vai curtir a bela praia no SUP tem água gelada para rebater o calor.

Iocaâ Costa Simões

“Uso com frequência os serviços oferecidos pela CAAB e o ADVerão é o grande esperado. É o melhor de todos os programas e quando nos sentimos abraçados pela Caixa de Assistência, num momento em que encontramos os colegas numa caminhada sem ser no corre-corre do dia a dia da profissão. Um ponto de encontro importante para trabalhar a saúde e o que a profissão precisa muito no seu cotidiano, que a convivência com nossos parres”, disse o Iocaâ Costa Simões (OAB-BA 25.799)

Fábio Almeida Lima

O advogado Fábio Almeida Lima (OAB-BA 16.057) costuma usar os serviços oferecidos pela Caixa de Assistência, em sua sede no bairro de Nazaré, como o odontológico. “Aqui na orla foi a primeira vez. Acho uma inciativa excelente da diretoria da CAAB, que mostra sua preocupação para a advocacia estimulando a prática esportiva. Nossa profissão é muito estressante e esses momentos de higiene mental são importantes. Contando com o suporte da Caixa ficam melhores. Essa é uma boa política que a CAAB pratica em prol da classe”, afirmou.

Marcus Vinícius Figueiredo de Sousa Rodrigues

“As ações da CAAB voltadas para o estímulo à prática esportiva são fundamentais para a classe. Pela vida que nós advogados atualmente vivenciamos, com um dia a dia muito árduo, essa oportunidade de fazer uma corrida aqui na orla e depois desfrutar dessa massagem é muito gratificante. Precisamos manter em forma tanto a saúde corporal quanto mental”, disse Marcus Vinícius Figueiredo de Sousa Rodrigues (OAB-BA 33.569).

Clécio Max – Texto e fotos